MSG

DE TERÇA A SEXTA O ESPORTE COM LIGEIRINHO TEM ENCONTRO MARCADO NA PORTO BRASIL FM 88,7 OU NO WWWW.RADIO88FM.NET

NOTÍCIAS DO ESPORTE NA BAHIA, NO BRASIL E NO MUNDO.

PUBLICIDADE

sábado, 21 de fevereiro de 2015

No sufoco, Vitória bate o Colo-Colo no Barradão

  • Fernando Amorim | Ag. A TARDE /Bruno Porciuncula
    Jogadores do Vitória comemoram após Kadu abrir o placar no Barradão
Foi suado, com gol "chorado", mas o Vitória conseguiu o triunfo de 1 a 0 no Colo-Colo na noite deste sábado, 21, no Barradão. Kadu foi o autor do gol solitário e a equipe saiu de campo sob vaias dos torcedores.
Com a vitória, o rubro-negro baiano dorme líder do Campeonato Baiano, com 7 pontos. Já a equipe de Ilhéus continua em sétimo, e deve sair do G8 na rodada deste domingo, 22.
O próximo jogo do Vitória pelo Campeonato Baiano será quarta-feira, 25, às 22h, contra o Galícia, em Pituaçu. Mesmo dia em que o Colo-Colo recebe o Feirense, em Ilhéus.


O jogo

A partida começou com o Colo-Colo melhor. A equipe do interior tocava melhor a bola, enquanto o Vitória se mostrava desarrumado em campo. Aos 3 minutos, bola foi recuada para Fernando Miguel. O goleiro do Vitória tocou para zagueiro que, assustado com atacante do Colo-Colo, mandou para lateral.
Logo depois, Edvan chegou com espaço na entrada da área e foi calçado pela zaga do Vitória. Aos 6, Jucimar mandou uma bomba, Fernando Miguel se esticou, a bola sobrou para William que, com o gol vazio, chutou para fora
A equipe rubro-negra começou a melhorar na metade do primeiro tempo. José Wellyson teve duas chances. Uma em cobrança de falta, aos 19 minutos, e outra com uma bomba de fora da área, aos 23.
O gol do Vitória chegou aos 27 minutos. Jorge Wagner cobrou falta, Waldson saiu mal do gol e em bate rebate na área, Kadu chutou, a bola ainda desviou do zagueiro do Colo Colo e foi devagar para o fundo da rede.
Com o gol, o Vitória passou a ser mais paciente e o Colo-Colo partiu para a correria, sem dar grandes sustos.
Trave salvadora
No segundo tempo, o Colo-Colo já não tinha o mesmo gás da etapa inicial. O Vitória, com o gol, não tomava iniciativa, esperando que a equipe de Ilhéus avance para aproveitar os contra-ataques.
Sem aproveitar as chances criadas, Neto Baiano foi substituído por Élton. O atacante rubro-negro saiu sobre um misto de vaias e aplausos da torcida.
Aos 32 minutos da etapa final, a melhor chance do jogo. Vander cabeceou a bola na trave, que sobrou para o estreante Flávio chutar. O jovem jogador rubro-negro acertou belo chute, mas bola bateu na trave novamente e foi para fora.
A partir daí, o jogo ficou sem grandes emoções até o final.


Nenhum comentário:

Postar um comentário