MSG

DE TERÇA A SEXTA O ESPORTE COM LIGEIRINHO TEM ENCONTRO MARCADO NA PORTO BRASIL FM 88,7 OU NO WWWW.RADIO88FM.NET

NOTÍCIAS DO ESPORTE NA BAHIA, NO BRASIL E NO MUNDO.

PUBLICIDADE

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Vitória bate Náutico-RR, mas não elimina jogo da volta


Marinho marcou três gols, mas Leão receberá time de Roraima em casa - Foto: Raul Spinassé | Ag. A TARDE
O Vitória jogou fora uma vaga antecipada na segunda fase da Copa do Brasil que estava em suas mãos. O Leão bateu na quarta-feira, 13, o Náutico-RR, em Boa Vista, por 3 a 2, placar insuficiente para eliminar o jogo em Salvador.

A classificação foi embora aos 43 minutos do 2º tempo. O Rubro-Negro vencia por 3 a 1 àquela altura, quando o goleiro Fernando Miguel deu rebote e Romário descontou para o time roraimense.

Mas nada de criticar o camisa 1 do Leão: sem ele, poderia ter sido pior. Aos 27, Fernando Miguel defendeu um pênalti cobrado por Dudé. A penalidade foi marcada depois que Vinícius desviou a bola com a mão na pequena área.

O sufoco sofrido pelo Vitória no fim foi surpreendente se considerados os primeiros minutos do jogo. O Leão começou avassalador - como se esperava, afinal, de um time de Série A do Brasileiro contra um equipe semi-amador.

Marinho abriu o placar no primeiro ataque, com apenas três minutos. Recebeu na direita com liberdade, tirou dois marcadores e chutou. Aos 10, ele mesmo ampliou: o zagueiro Fabinho recuou mal para o goleiro e o atacante, esperto, se antecipou para marcar.

Equilíbrio

O que parecia que seria um atropelo mudou aos 35 minutos. Heitor, do Náutico, cruzou para a área e Vinícius desviou contra a própria meta.

A partir daí, o time roraimense se soltou. Começou a ameaçar o Rubro-Negro, que buscava o contra-ataque. Não favoreceram ao Vitória as atuações de Arthur Maia, Robert e Rafaelson, apagados no jogo. Não à toa, foram substituídos no 2º tempo.

Aos 27, como foi relatado, Fernando Miguel pegou um pênalti. Logo depois, aos 29, Marinho - destaque solitário da partida - recebeu de William Henrique na área e completou para o gol.

Seria o tento da classificação se o Náutico não tivesse descontado no finalzinho. Assim, a vaga na 2ª fase será decidida no próximo dia 27, uma quarta-feira, às 19h30, no Barradão. O Vitória pode até perder por 1 a 0 ou 2 a 1.



Náutico-RR 2 x 3 Vitória - Jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil

Local: Vila Olímpica Roberto Marinho, em Boa Vista/RR
Quando: quarta-feira, 13, às 21h30
Gols: Marinho, aos 2’ e 10’, no 1º T, e aos 29’ do 2º T, para o Vitória, Vinícius, contra, aos 35’ no 1º T, e Romário, aos 43’ do 2º T, para o Náutico

Público: 350 pagantes
Renda: R$ 7.000,00

Árbitro: João Batista Cunha de Brito
Assistentes: Alexsandro Lira de Alexandre e Ivo Fernando da Costa (trio do Amazonas)
Cartões amarelos: Djair, Eduardo Magrão, Robemar e Elton (N), Victor Ramos e Vinícius (V)

Náutico-RR - Paulo Henrique, Alan Caruarú, Wagner, Fabinho (Elton) e Anderson Teixeira (Dudé); Eduardo Magrão, Djair, Heitor e Robemar; Bruninho e João Paulo. Técnico: Antonino Moreira.

Vitória - Fernando Miguel, José Welison, Victor Ramos, Vinícius e Diego Renan; Amaral, Willian Farias, Arthur Maia (Marcelo) e Marinho; Rafaelson (William Henrique) e Robert (Vander). Técnico: Vagner Mancini.

Foto Raul Spinassé | Ag. A TARDE
Fonte Vitor Villar Atarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário