MSG

DE TERÇA A SEXTA O ESPORTE COM LIGEIRINHO TEM ENCONTRO MARCADO NA PORTO BRASIL FM 88,7 OU NO WWWW.RADIO88FM.NET

NOTÍCIAS DO ESPORTE NA BAHIA, NO BRASIL E NO MUNDO.

PUBLICIDADE

domingo, 9 de julho de 2017

Bahia busca empate com o Fluminense, mas amplia jejum de vitórias no Brasileirão


O inferno astral do Bahia continua. Na tarde deste domingo, 9, o time comandado por Jorginho criou muitos lances de perigo e foi buscar no fim da partida o empate por 1 a 1 com o Fluminense, na Arena Fonte Nova, em Salvador, mas completou um mês sem vencer no Campeonato Brasileiro. A partida foi válida pela 12.ª rodada.
A última vitória do Bahia foi no dia 8 de junho, quando bateu o Cruzeiro por 1 a 0. De lá para cá, aconteceram três empates e quatro derrotas. Com 12 pontos, o time aparece perto zona de rebaixamento, em 16.º lugar. Superar o rival Vitória pelo menos ruim saldo de gols: -1 a -5. Já o Fluminense chegou ao terceiro empate seguido e perdeu a chance de entrar no grupo de classificação para a Libertadores, com 17 pontos.
O primeiro tempo foi totalmente dominado pelo Bahia, que teve aproximadamente 70% de posse de bola. No entanto, os donos da casa pararam em quatro defesas difíceis de Júlio César e um gol incrível desperdiçado por Mendoza de cabeça após tabela com Vinícius. Henrique ainda salvou uma bola quase em cima da linha em cabeçada de Tiago.
Apesar da superioridade baiana, o Fluminense foi quem desceu para o intervalo em vantagem. Lucas cruzou rasteiro e Henrique Dourado desviou de letra. Tiago salvou de carrinho, mas Wellington Silva apareceu para completar aos 12 minutos. Depois disso, o time carioca apenas se defendeu.
Nada mudou depois do intervalo. Logo no primeiro minuto, Zé Rafael chutou rasteiro e a bola passou raspando a trave de Júlio César. Depois foi a vez de Régis levar perigo em chute de dentro da pequena área. O time carioca se defendia com praticamente todos os jogadores atrás do meio-campo, tanto que a única finalização foi através de Henrique Dourado.
Empurrado pela torcida, o Bahia conseguiu o empate aos 38 minutos. João Paulo, que havia acabado de entrar no lugar de Zé Rafael, acertou um bonito chute de fora da área e deixou tudo igual. Depois disso, o time baiano tentou a vitória com alguns cruzamentos, mas o Fluminense conseguiu segurar pelo menos o empate.
Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira, pela 13.ª rodada. O Bahia vai até Campinas enfrentar a Ponte Preta, às 19h30, no estádio Moisés Lucarelli, enquanto o Fluminense faz o clássico contra o Botafogo, às 21 horas, no Maracanã, no
Rio de Janeiro (RJ).
BAHIA 1 X 1 FLUMINENSE
BAHIA - Jean; Eduardo, Lucas Fonseca, Tiago e Armero (Gustavo Ferrareis); Renê Júnior, Matheus Sales, Zé Rafael (João Paulo), Régis e Mendoza; Vinícius (Rodrigão). Técnico: Jorginho.
FLUMINENSE - Júlio César; Lucas, Henrique, Reginaldo e Mascarenhas; Orejuela, Marlon Freitas e Gustavo Scarpa; Marquinhos Calazans (Maranhão), Wellington Silva (Marcos Júnior) e Henrique Dourado (Pedro). Técnico: Abel Braga.
GOLS - Wellington Silva, aos 12 minutos do primeiro tempo; João Paulo, aos 38 do segundo.
ÁRBITRO - Flávio Rodrigues de Souza (SP).
CARTÕES AMARELOS - Mendoza, Matheus Sales e Lucas Fonseca (Bahia); Henrique Dourado e Marcos Júnior (Fluminense).

RENDA - R$ 427.932,50.
PÚBLICO - 18.267 pagantes.
LOCAL - Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Fonte Atarde

Foto Raul Spinassé | Ag. A TARDE

Nenhum comentário:

Postar um comentário